logo-beeon-agencia-de-marketing-digital

10 plataformas para criar sua loja virtual

Por BeeOn 23/03/2021
Compartilhe

O e-commerce está em alta no mundo – e também no Brasil. De acordo com uma pesquisa da Ebit/Nielsen, em 2020, o setor registrou um aumento de 47% no país – maior alta em 20 anos. E para aproveitar essa tendência, muitos se questionam sobre como criar loja virtual.


A parte de planejamento deve ser feita da mesma maneira que você faria com uma loja física. E ela é tão importante quanto a parte técnica. Considerando as características do nicho no qual você deseja atuar, o seu público-alvo, principais concorrentes, capital de giro e outros dados cruciais.


Além disso, claro, é fundamental pensar na parte operacional da sua loja virtual, construindo o seu e-commerce de modo a oferecer facilidades de navegação e segurança para os usuários.


Para te ajudar neste momento, separamos 10 plataformas interessantes que você precisa conhecer na hora de criar loja virtual. Confira!

Como criar loja virtual?

Se você deseja aproveitar todos os benefícios do e-commerce, criar uma loja virtual é muito importante. Para lhe ajudar, veja alguns passos básicos.

Tenha um bom planejamento

A loja virtual será uma empresa como qualquer outra, a única diferença é que, ao invés de um ponto físico, você fará suas vendas pelo ambiente virtual. Por isso, é indispensável realizar um bom planejamento, assegurando o sucesso do seu negócio.

Nesse momento, é importante que você tome algumas decisões e faça alguns processos como:

  • nicho que irá atuar e produtos que irá vender;

  • mapear a concorrência;

  • avaliar o quanto tem para investir;

  • entender quais serão os custos iniciais para montar a loja virtual e começar a operar;

  • regularizar o negócio, assegurando um CNPJ e a possibilidade de emitir notas fiscais;

  • determinar as estratégias de marketing;

  • pensar na logística, especialmente na questão das entregas, entendendo as possibilidades de fretamento e custos de cada alternativa;

  • compreender a fundo os direitos do consumidor e as regulações para as vendas online (especialmente o direito ao arrependimento, criando uma logística reversa para coletar os produtos com os clientes, bem como uma política de troca);

  • escolher os meios de pagamento e as tecnologias integradas;

  • mapear seu público-alvo;

  • definir os preços.

Funcionamento e layout

Um ponto essencial é avaliar como a sua loja virtual funcionará. Em termos de layout e design, existem duas opções: contratar uma agência para criar um projeto personalizado e do zero ou utilizar uma plataforma para criar sua loja virtual.

Ao usar os serviços da agência, você tem a vantagem de contar com um sistema único e exclusivo, o que é muito importante para quem tem um negócio robusto, com muitos produtos e categorias, por exemplo.

Já com as plataformas, você tem mais agilidade na hora de montar seu negócio, podendo personalizar o layout e ainda contar com serviços adicionais, como meios de pagamento integrados e até sistemas de gestão. Para os pequenos e médios negócios, essa é uma solução bem interessante, desde que você escolha uma plataforma adequada às suas necessidades.

Contudo, em muitos casos, você terá de pagar uma mensalidade para usar a plataforma e algumas podem ter limites de acessos ou de vendas.

Quais são as plataformas de vendas pela internet?

Agora que você já sabe como criar loja virtual, que tal conhecer algumas plataformas interessantes, com diversos serviços e que são mais conhecidas e atuantes no mercado? Confira!

1) VTEX

A VTEX é uma solução diferenciada que unifica comércio, marketplace e gerenciamento de pedidos. Ela funciona tanto para comércios B2C como B2B e oferece funcionalidade nativa de marketplace, ou seja, você também poderá usar a VTEX para construir o seu marketplace.

A plataforma permite que você inclua no seu e-commerce ferramentas de autoatendimento, personalize a sua loja virtual focando na experiência de consumo dos seus clientes e inclua ferramentas para treinamento dos vendedores, no caso de sellers de lojas físicas.

Algumas funcionalidades disponíveis são:

  • intelligent search: mecanismo de pesquisa avançado que utiliza inteligência artificial para compreender a intenção do comprador e retornar resultados de pesquisa relevantes, aumentando as conversões e oferecendo mais visibilidade para os negócios;

  • store framework: baseado em React, GraphQL e Node, o framework de desenvolvimento VTEX oferece componentes prontos para lançar rapidamente uma loja de alta performance, com possibilidades de customização front-end e arquitetura modular;

  • VTEX tracking: permite monitorar e gerenciar entregas em tempo real, melhorando a eficiência logística e aumentando a satisfação dos clientes;

  • VTEX log: solução da VTEX que conecta transportadoras e lojistas de forma inteligente e simplificada;

  • Indeva by VTEX: acesse o resultado dos principais indicadores do varejo, crie metas para seus vendedores e identifique os resultados do seu negócio, tudo em um só painel, podendo acessar os dados de uma ou de dezenas de lojas da sua rede. Você consegue verificar os produtos não vendidos, as rupturas no estoque, o fluxo de hora em hora, o comportamento do consumidor e muito mais.

2) Loja Integrada

Plataforma com mais de um 1 milhão de lojas online e mais de 30 integrações com os principais recursos do mercado, como: atendimento ao cliente, experiência de compra, diferentes formas de pagamento, vendas, logística, gestão e muito mais.

A Loja Integrada conta com diferentes pacotes de tecnologia, dependendo do nível da sua loja. O modelo gratuito, por exemplo, permite 5 mil visitas por mês, 75 produtos ativos e 1 administrador, com formas de envio por SEDEX, PAC, retirar pessoalmente, motoboy, transportadora, Frenet e Melhor Envio e com formas de pagamento Checkout Transparente e Mercado Pago.

Já o modelo PRO, permite visitas, produtos e usuários ilimitados e muito mais formas de envio e de pagamentos.

É possível começar a sua loja virtual do zero, de forma rápida e gratuita, configurando seu site, cadastrando os produtos, definindo os modos de pagamento e envio e construindo um ecossistema com mais de 30 integrações que lhe ajudam a vender mais.

Além disso, a plataforma oferece mais de 500 opções de temas para você personalizar o layout da sua loja virtual como preferir.

3) Tray

Plataforma que permite criar a sua loja virtual e integrá-la com inúmeros marketplaces, tudo em um único painel. A Tray está no mercado há mais de 18 anos e permite que dezenas de pessoas todos os anos criem seus e-commerces do zero, com soluções que vão desde o layout até a administração do negócio virtual.

Quem tem uma loja física, também poderá usar a plataforma, criando uma versão virtual e atendendo seus clientes de qualquer local e em qualquer horário. Você ainda poderá oferecer seus produtos em mais de 20 marketplaces, e gerenciar todas as vendas em um só painel.

Os layouts oferecidos pela Tray são totalmente customizáveis e responsivos, com opções gratuitas e pagas. E as lojas virtuais montadas pela plataforma contam com diferentes opções integradas nativamente de pagamento, desde intermediadores até meios próprios de pagamento para você escolher.

Você ainda poderá integrar a sua loja virtual às redes sociais, marketplaces, WhatsApp e Google Shopping.

O pacote iniciante custa R$ 49 por mês e permite cadastrar 100 produtos, receber 10.000 visitas, tem integração nativa com marketplaces e cobrança de 1% por pedidos em marketplaces, além de inúmeros outros recursos.

4) Nuvemshop

A Nuvemshop é outra plataforma para criar loja virtual bem interessante – e com planos iniciais a partir de R$ 49,99 por mês.

Com ela, você conseguirá gerenciar seus produtos (carregando e atualizando seu estoque de forma simples e rápida), automatizar suas vendas (ativando meios de pagamento diferenciados), enviar seus pedidos de forma simples (utilizando soluções de frete já conectadas) e vender em mais canais (integrando seus produtos com Instagram, Facebook, marketplaces ou a sua loja física).

A Nuvemshop também conta com uma rede de parceiros com os melhores aplicativos, agências e uma variedade de profissionais capazes de otimizar a gestão da sua loja virtual e melhorar a experiência do seu cliente. 

São mais de 150 agências certificadas capazes de ajudar o seu negócio com serviços de marketing, design, fotografia ou desenvolvimento da sua loja virtual.

5) Woocommerce

A Woocommerce é um pouco diferente das demais plataformas de como criar loja virtual que mostramos. Ela é, na verdade, uma solução de código aberto, por isso é gratuita, flexível e ampliada por uma comunidade global.

Por ser de código aberto, você manterá a propriedade total do conteúdo e dos dados da sua loja para sempre. Com o Woocommerce será possível:

  • criar lojas virtuais atraentes com temas adequados para sua marca e ramo de negócio;

  • personalizar as páginas rapidamente usando blocos de produtos modulares;

  • apresentar produtos físicos e digitais, variações de produtos, configurações personalizadas, downloads instantâneos e itens de afiliados;

  • aproveitar as vantagens do SEO no Wordpress para alcançar os melhores resultados de pesquisa.

É você quem escolhe como quer receber, configura as opções de entrega e define as taxas de vendas.

6) Shopify

A Shopify é uma plataforma com todos os recursos de e-commerce e pontos de venda necessários para você começar, gerenciar e expandir o seu negócio.

Você pode usar a plataforma para criar seu e-commerce, gerenciar suas vendas em lojas físicas ou pop-up, incorporar um botão comprar em qualquer site ou blog e também vender em redes sociais, marketplaces e outros canais que você desejar.

São mais de 70 temas personalizáveis para você escolher o layout da sua loja virtual, além de ferramentas integradas que ajudam a criar, executar e analisar campanhas de marketing digital.

Em um único painel, é possível gerenciar pedidos, fretes e pagamentos. A Shopify permite que você teste gratuitamente a solução por 14 dias – depois disso é preciso escolher por um plano, os iniciais custam 29 dólares por mês.

7) Wix

O Wix é uma plataforma gratuita para o desenvolvimento de sites e agora também conta com recursos de e-commerce.

O e-commerce Wix é uma solução interessante para quem está começando a empreender na internet, varejistas que estão migrando suas lojas físicas para o digital e marcas já estabelecidas que precisam de uma plataforma simples e rápida.

Você poderá escolher entre os mais de 500 templates de loja virtual disponíveis e personalizar o design. 

Além disso, a plataforma disponibiliza ferramentas gratuitas, como o Criador Logo Wix que ajuda a moldar a sua marca e uma solução de pagamentos própria, a Wix Pagamentos (ou você pode optar por uma solução global de provedores e métodos de pagamento, que inclui as principais empresas de cartão de crédito, PayPal, PagSeguro e Mercado Pago).

É possível controlar toda a gestão da sua loja virtual em um painel único, com gerenciamento de pedidos e pagamentos e informações detalhadas sobre o seu negócio.

8) Magento

Magento é uma das plataformas líderes em comércio eletrônico em todo o mundo. Ele funciona como um sistema web completo, robusto e customizável que pode ser usado em lojas virtuais de todos os portes e segmentos.

Grandes marcas no Brasil e no mundo usam essa solução para a construção das suas lojas virtuais, como Coca-Cola, Nike, Burger King, Samsung etc.

Com o construtor de páginas Magento, você conseguirá criar uma interface fácil de usar, personalizar sua loja para segmentos específicos de clientes e atualizar as páginas rapidamente. Ainda é possível criar a sua loja usando com base nos modelos prontos para uso que podem ser facilmente personalizáveis.

O Magento conta com solução de Business Intelligence (BI) que permite centralizar todos os dados do seu negócio e transformar insights em tomadas de decisões estratégicas, baseadas nos resultados e nas métricas da sua empresa.

No Magento, você conseguirá: construir sua loja virtual, cadastrar produtos, incluir e alterar preços e promoções, controlar estoque, oferecer diferentes modalidades de pagamento, enviar produtos e gerenciar os pedidos e emitir relatórios sobre sua gestão.

A plataforma funciona com código aberto e pode ser alterada por qualquer pessoa que entenda de programação, com sistema escrito totalmente em PHP e construção em módulos independentes, que permite aos desenvolvedores criarem novas funcionalidades de acordo com as necessidades do mercado.

9) Irroba

A Irroba é uma plataforma que dispõe de soluções tecnológicas diferenciadas para atender lojas virtuais de vários segmentos.

Com ela, será possível criar sua loja virtual totalmente responsiva, 100% indexada ao Google (tornando mais fácil para ela aparecer nos resultados de pesquisa) e hospedada na Amazon em servidores robustos, seguros, escaláveis e sem interrupções.

Algumas das soluções oferecidas pela Irroba são:

  • gateways de pagamento, como Mercado Pago, PagSeguro, Paypal, Pagar.me, Yapay, Cielo, Rede, entre outras;

  • integração com marketplaces, como Mercado Livre, Dafiti, Magazine Luiza, Netshoes, B2W etc. permitindo gerenciar todas as suas vendas pela plataforma;

  • logística de entrega, como Correios, Melhor Envio, Mandaê, TNT, JadLog, Azul Cargo, Transfolha e outros;

  • integração com redes sociais;

  • integração com ERPs;

  • entre outras.

Em um só painel, você consegue acompanhar seus pedidos, as vendas nos marketplaces, promover suas vendas (criando cupons promocionais) e gerenciar fretes e pagamentos.

10) Commerce Plus

A Commerce Plus é uma plataforma que permite montar a sua loja virtual com um design personalizado e otimizado para smartphones, além de ter integração com mais de 30 marketplaces e possibilidade de sincronizar seu catálogo de produtos com a Loja Facebook, Instagram Shopping e Google Shopping (e enviar links de carrinho pronto para pagamento por Whatsapp e Messenger).

A sua loja virtual criada na Commerce Plus poderá contar com diferentes meios de pagamento, como Cielo, Rede, Pagar.Me, Wirecard, Pagseguro, Mercado Pago, Paypal, iPag, PagHiper e Mundipagg.

Em relação às entregas, há integração com Correios, Braspress, Jadlog, Total Express, Frenet, Intelipost, Melhor Envio e Find my Pack.

Qual a maior plataforma de vendas online?

Já deu para notar que existem muitas plataformas de vendas para criar loja online, não é mesmo? Todas as que citamos acima são bem conceituadas, muito usadas e contam com prós e contras. O importante é analisar a que tem maior fit com o seu perfil e com o tamanho e tipo de negócio virtual que você deseja montar.

Uma boa plataforma, além de hospedar sua loja online e ter um design responsivo, deve oferecer funções adicionais que facilitem sua gestão e seus processos, como:

  • analytics e relatórios;

  • suporte ao cliente;

  • gerenciamento de pedidos e estoque;

  • compras;

  • gerenciamento de conteúdo;

  • marketing;

  • preços e promoções.

As melhores plataformas integram sistemas de front e back-office, fornecendo um ambiente de negócios unificado e escalável, com inúmeras possibilidades de personalização e com diversas funcionalidades de automação, que economiza tempo do gestor.

A ideia dessas plataformas é oferecer toda a tecnologia necessária para que a experiência de compra no seu e-commerce seja perfeita, reduzindo os custos operacionais e aumentando a eficiência.

É claro que, embora elas ofereçam inúmeras funcionalidades, para que sua loja virtual cresça e traga resultados, você deverá investir em outras soluções, especialmente em boas estratégias de marketing digital. Assim, você conseguirá posicionar bem seu e-commerce e conquistar mais clientes.

As plataformas de e-commerce mais usadas no Brasil são: Tray, Nuvemshop, VTex, Shopify, Loja Integrada e Magento. Mas, como você viu, existem inúmeras alternativas - e é importante que você entenda o que cada uma oferece, sabendo escolher a que melhor se adeque ao perfil da sua loja e as suas necessidades.

Conclusão

Já deu para notar que existem diferentes plataformas que facilitam a vida na hora de criar loja virtual, não é? Escolher a melhor depende do tamanho do seu negócio virtual, da quantidade de produtos e também do orçamento disponível.

Para pequenos empreendedores individuais vale a pena iniciar com as versões gratuitas e depois ir migrando para planos mais robustos e personalizáveis de acordo com os resultados de negócio.

Mas se você deseja montar uma loja virtual competitiva e com uma grande quantidade de produtos e volume de vendas, é interessante pensar em uma solução mais personalizável e de código aberto, contratando um programador e um designer para cuidarem da criação da sua loja virtual, de modo mais personalizado.

É claro que, além das plataformas, é de suma importância investir também em estratégias de marketing digital, aumentando a visibilidade da sua marca e as chances de vendas. Conteúdos otimizados, boas imagens e descrições adequadas dos produtos, por exemplo, são soluções simples, mas que ajudam a trazer resultados.

Além desses, vale a pena aliar uma estratégia de Inbound Marketing e e-mail marketing, captando mais leads e melhorando o relacionamento com os seus clientes.

Depois de todas essas dicas, você já sabe como criar loja virtual? Se está precisando de ajuda nesse processo, entre em contato conosco e saiba como tirar a sua ideia do papel e transformá-la em um sucesso de vendas!

Veja Também

GESTÃO DE REDES SOCIAIS
27/08/2020 - Como estão as métricas do seu negócio?
GESTÃO DE REDES SOCIAIS
29/04/2021 - WhatsApp Ads: o que é e como funciona o anúncio na rede de mensagens?
GESTÃO DE REDES SOCIAIS
18/02/2022 - Audience Insights Facebook: o que é?
GESTÃO DE REDES SOCIAIS
08/04/2022 - Como encontrar a Biblioteca de Anúncios no Facebook?
GESTÃO DE REDES SOCIAIS
19/04/2022 - O que é TikTok Ads e como usar essa ferramenta?
GESTÃO DE REDES SOCIAIS
09/05/2022 - Instagram Reels: 11 dicas para lojas online
MARKETING DIGITAL
23/02/2018 - Uma Agência de Marketing Completa
MARKETING DIGITAL
15/03/2018 - Marketing Digital Funciona? Se o seu segmento for este sim!
MARKETING DIGITAL
15/05/2019 - Semana do MEI - Micro Empreendedor Individual
MARKETING DIGITAL
19/09/2019 - Marketing interno ou contratar uma agência de marketing?
MARKETING DIGITAL
20/11/2019 - Marketing Médico: O que pode ou não ser feito?
MARKETING DIGITAL
04/02/2020 - O preço de NÃO investir em Marketing Digital
MARKETING DIGITAL
13/01/2020 - Profissões emergentes no Brasil em 2020 - Agência de Marketing é um dos principais segmentos com diversas oportunidades
MARKETING DIGITAL
09/03/2020 - Marketing Digital para Negócios Locais
MARKETING DIGITAL
09/04/2020 - O que é a Telemedicina no Brasil?
MARKETING DIGITAL
30/04/2020 - A importância da presença digital para seu negócio na crise
MARKETING DIGITAL
08/05/2020 - Atualizações no Marketing Digital para os dentistas
MARKETING DIGITAL
19/05/2020 - Novos públicos em tempos de coronavírus
MARKETING DIGITAL
02/06/2020 - 4 estratégias pra começar as vendas on-line
MARKETING DIGITAL
30/06/2020 - De que adianta ter um bom produto se ninguém o conhece?
MARKETING DIGITAL
13/07/2020 - Passos para fidelizar o seu cliente com o delivery
MARKETING DIGITAL
24/07/2020 - O que a automação de marketing pode fazer pelo seu negócio?
MARKETING DIGITAL
28/07/2020 - Dia dos Pais: dicas para vender mais.
MARKETING DIGITAL
25/08/2020 - 5 pilares do engajamento.
MARKETING DIGITAL
11/09/2020 - 4 estratégias de aplicação do marketing digital no setor odontológico.
MARKETING DIGITAL
14/09/2020 - 7 dicas para ter uma identidade visual consistente.
MARKETING DIGITAL
01/01/2020 - Agência de Marketing Digital em Passos
MARKETING DIGITAL
16/09/2020 - Marketing digital para negócios B2B: como chamar a atenção de outras empresas na internet?
MARKETING DIGITAL
02/10/2020 - Como vender mais e melhor? Dicas essenciais para colocar em prática!
MARKETING DIGITAL
22/10/2020 - Marketing de Conteúdo para Dentistas: como fazer?
MARKETING DIGITAL
03/11/2020 - Black Friday 2020 - Sua Empresa está Preparada?
MARKETING DIGITAL
09/11/2020 - LGPD: o que muda no marketing digital?
MARKETING DIGITAL
12/11/2020 - A evolução do Marketing Digital
MARKETING DIGITAL
01/12/2020 - BeeOn conquista 2º lugar em prêmio da RD Station
MARKETING DIGITAL
17/12/2020 - O que é Google Meu Negócio?
MARKETING DIGITAL
18/12/2020 - Melhores livros de finanças empresariais
MARKETING DIGITAL
21/12/2020 - As 5 estratégias de marketing mais usadas em 2020.
MARKETING DIGITAL
14/01/2021 - Qual é o objetivo do marketing de relacionamento?
MARKETING DIGITAL
21/01/2021 - O que é Google Analytics?
MARKETING DIGITAL
28/01/2021 - Quais as principais datas comemorativas do Brasil?
MARKETING DIGITAL
04/02/2021 - O que é branding?
MARKETING DIGITAL
02/04/2021 - Como utilizar o logo na sua campanha de marketing?
MARKETING DIGITAL
25/05/2021 - Como trabalhar com o Google Adsense?
MARKETING DIGITAL
03/06/2021 - O que é ActiveCampaign?
MARKETING DIGITAL
18/06/2021 - Pinterest Ads: um passo a passo de como anunciar na plataforma
MARKETING DIGITAL
06/07/2021 - Telegram: Saiba como utilizar na sua estratégia digital
MARKETING DIGITAL
13/07/2021 - O que é CRM e por que seu negócio precisa dele?
MARKETING DIGITAL
20/07/2021 - Marketing de conteúdo para MEI: tudo o que você precisa saber!
MARKETING DIGITAL
24/08/2021 - 8 cursos de marketing digital gratuitos
MARKETING DIGITAL
06/09/2021 - Google Business: para que serve e como utilizá-lo?
MARKETING DIGITAL
21/09/2021 - Gestor de tráfego: o que ele faz e por que é importante?
MARKETING DIGITAL
18/10/2021 - O que colocar em um FAQ?
MARKETING DIGITAL
25/10/2021 - Como reduzir a taxa de Churn?
MARKETING DIGITAL
08/11/2021 - Black Friday 2021: o que não fazer para lucrar mais!
MARKETING DIGITAL
16/11/2021 - Marketing Interativo: conceitos, estratégias e como fazer.
MARKETING DIGITAL
13/12/2021 - O que é SERP e qual sua importância nas estratégias de SEO?
MARKETING DIGITAL
15/03/2022 - Marketing imobiliário: estratégias digitais para sua imobiliária
MARKETING DIGITAL
23/03/2022 - Google Ads para imobiliárias: 7 dicas para suas estratégias!
SEO
19/03/2018 - Meu site não aparece no Google. O que fazer?
SEO
10/06/2021 - O que é SEO em marketing digital?
SEO
03/08/2021 - SEM: o que é e como aplicar na sua empresa?
REDES SOCIAIS
06/03/2018 - Facebook ou Instagram? Qual o melhor para a minha empresa?
REDES SOCIAIS
30/04/2019 - Adeus Curtidas!
REDES SOCIAIS
12/02/2020 - Facebook ou Instagram - Qual a melhor para a sua empresa?
REDES SOCIAIS
19/08/2020 - Como o Marketing de Influência pode impactar as suas vendas?
REDES SOCIAIS
06/02/2021 - O que é a Clubhouse e como conseguir um convite?
REDES SOCIAIS
11/02/2021 - Por que impulsionar no Instagram?
REDES SOCIAIS
24/02/2021 - Gerenciamento de redes sociais: guia completo para a sua empresa
REDES SOCIAIS
31/08/2021 - Destaques Instagram: como fazer para sua empresa?
REDES SOCIAIS
22/11/2021 - Social Media: como esse profissional atua no mercado?
REDES SOCIAIS
10/01/2022 - Como aumentar o engajamento no Instagram?
REDES SOCIAIS
14/01/2022 - Para que serve o pixel do Facebook?
REDES SOCIAIS
12/04/2022 - Como fazer a divulgação para o WhatsApp da sua empresa?
FACEBOOK
28/02/2018 - Facebook para Empresas: Por onde começar?
INBOUND MARKETING
15/08/2019 - Inbound Marketing, tudo sobre a técnica que atrai clientes!
INBOUND MARKETING
26/08/2019 - BeeOn é Silver no RD Station
INBOUND MARKETING
17/07/2020 - Ainda vale a pena ter um blog?
INBOUND MARKETING
31/08/2020 - Marketing de Conteúdo no Blog: 3 estratégias para trazer novos clientes.
INBOUND MARKETING
08/09/2020 - Inbound Sales: a estratégia de vendas para atrair o cliente certo.
INBOUND MARKETING
10/09/2020 - Inbound Marketing é pro seu negócio?
INBOUND MARKETING
09/12/2020 - A BeeOn agora é Gold Partner da RD Station
INBOUND MARKETING
12/02/2021 - O funil de vendas da sua loja virtual está otimizado?
INBOUND MARKETING
11/06/2021 - 4 ferramentas de Inbound Marketing para implementar em suas estratégias
INBOUND MARKETING
11/10/2021 - Como fazer uma pesquisa de satisfação do cliente?
INBOUND MARKETING
07/12/2021 - Como fazer um bom copywriting?
INBOUND MARKETING
08/12/2021 - Como funciona a geração de leads?
INBOUND MARKETING
27/01/2022 - Como gerar tráfego orgânico?
INBOUND MARKETING
20/05/2022 - 8 formas de vender mais pelo e-mail marketing
E-COMMERCE
30/10/2019 - Marketing 4.0 para e-commerces.
E-COMMERCE
28/02/2020 - Tendências para as lojas virtuais em 2020
E-COMMERCE
16/03/2020 - 5 principais indicadores de uma loja virtual
E-COMMERCE
20/07/2020 - 5 ações para fortalecer sua loja virtual
E-COMMERCE
05/08/2020 - Google oferece até 100 mil lojas virtuais de graça no Brasil
E-COMMERCE
16/10/2020 - Como evitar o abandono de carrinho no seu e-commerce?
E-COMMERCE
26/11/2020 - Criação de site profissional: 8 itens para considerar.
E-COMMERCE
26/02/2021 - Como criar link do WhatsApp para o seu e-commerce?
E-COMMERCE
24/03/2021 - Teste agora a velocidade do seu site: 5 ferramentas gratuitas
E-COMMERCE
30/03/2021 - Por que meu site não aparece no Google? Erros que prejudicam sua visibilidade!
E-COMMERCE
01/04/2021 - O que é preciso para montar um e-commerce?
E-COMMERCE
06/04/2021 - Dicas para automatizar e otimizar processos de e-commerce
E-COMMERCE
08/04/2021 - Qual é o custo para abrir uma loja virtual?
E-COMMERCE
30/04/2021 - O que é a Tray? Como ela pode ajudar seu e-commerce a vender mais!
E-COMMERCE
27/07/2021 - Omnicanal no e-commerce: saiba como aplicar no seu negócio
E-COMMERCE
14/09/2021 - Pop up: o que é e como utilizar no seu e-commerce?
E-COMMERCE
01/02/2022 - 10 cursos de e-commerce para quem deseja trabalhar na área
E-COMMERCE
09/02/2022 - Embalagens para e-commerce: onde comprar e qual é a melhor?
E-COMMERCE
08/03/2022 - 9 dicas para o seu e-commerce crescer mais rápido
E-COMMERCE
29/03/2022 - 10 tendências de marketing para lojas virtuais em 2022
E-COMMERCE
16/05/2022 - Qual a melhor plataforma de vendas online?
© 2019 - BeeOn Marketing - Todos os direitos resevados.