logo-beeon-agencia-de-marketing-digital

Marketing imobiliário: estratégias digitais para sua imobiliária

Por BeeOn 15/03/2022
Compartilhe

Quem trabalha no setor imobiliário sabe que nem sempre é fácil vender uma casa, apartamento ou fazenda, por exemplo, afinal esses são itens de valores altos – e o processo de compra é lento. Mas, você sabia que, apesar dessas características, o marketing imobiliário é crucial?

Quando bem realizado, o marketing para o setor imobiliário é capaz de atrair mais leads para seus empreendimentos, criar um relacionamento com os possíveis compradores, aumentar a autoridade da sua imobiliária (ou de você mesmo, como corretor de imóveis) e ajudar na tomada de decisão, encurtando o processo de vendas.

Ficou interessado? Então veja as dicas que separamos!

O que é marketing imobiliário?

O marketing imobiliário é aquele voltado para a venda de empreendimentos imobiliários, como terrenos, casas, apartamentos, fazendas, sítios etc. e também para a locação desses imóveis.

Assim, ele pode ser usado tanto por imobiliárias e corretores de imóveis independentes, como por construtoras, incorporadoras e outras empresas que atuem no setor imobiliário.

Existem vários tipos de campanhas e estratégias que você poderá usar – e elas não se limitam apenas a atrair interessados, mas também podem ser usadas para criar um relacionamento e educar a clientela, tornando o processo de vendas mais ágil.

Por que investir no marketing imobiliário?

São muitos os benefícios que o marketing imobiliário é capaz de trazer. Especialmente as ações de marketing imobiliário digital. Afinal, o comportamento do consumidor vem se modificando há alguns anos – e com a pandemia ele foi acelerado.

Mais do que nunca as pessoas usam a internet para procurar imóveis, se informar sobre o setor e até visitar os empreendimentos (como o tour virtual que teve ascensão durante a pandemia e continua em alta no setor, trazendo mais comodidade aos possíveis compradores).

Assim, quando a estratégia é bem executada, você consegue:

  • posicionar melhor a sua marca no mercado, sendo visto como autoridade no assunto;

  • educar a clientela, reduzindo o tempo e o processo de compra (oferecendo informações importantes por exemplo sobre financiamento de imóveis, documentação para locação, como se organizar financeiramente para comprar um imóvel, o que avaliar na hora de comprar uma casa etc.);

  • oferecer mais segurança aos possíveis compradores (por exemplo com fotos e vídeos dos imóveis, possibilidade de contato mais ágil com os corretores, oferecendo informações sobre os processos de compra e locação, tornando-os mais transparentes etc.);

  • atrair mais interessados para o seu negócio;

  • construir um relacionamento com os leads e com os compradores (aumentando as chances de fidelizar essas pessoas);

  • ter uma base de leads fortes para trabalhar em outros lançamentos e empreendimentos (algo muito útil para construtoras e incorporadoras e também para quem trabalha com imóveis destinados a investidores).

O novo papel do marketing imobiliário

Há alguns anos, o marketing imobiliário era apenas visto como uma maneira de divulgar os imóveis e empreendimentos. Hoje, ele tem um papel fundamental apoiando o processo de vendas.

Isso porque o mercado está diferente – e os consumidores também. O investimento em um imóvel costuma ser alto e essa decisão precisa ser muito bem pensada. Além disso, a concorrência é cada vez maior – e os compradores precisam se sentir seguros e confiantes para darem esse passo.

Assim, o marketing imobiliário trabalha com todas essas questões. Ao mesmo tempo que divulga as opções de imóveis, ele também oferece conteúdos que ajudam as pessoas a se preparar financeiramente para tomarem essa decisão de compra, comparar as diversas opções e se sentirem seguras e confiantes.

Todos esses pontos ajudam a aumentar a autoridade do seu negócio (passando confiança para o comprador) e a reduzir o tempo de venda. 

Uma pesquisa do DataZap+ trouxe um dado relevante em relação a esse assunto, mostrando que 23% das pessoas demoram 2 meses para finalizar um processo de compra de um imóvel – o mesmo percentual para os que gastam de 3 a 6 meses e 15% demora mais de 1 ano para concluir a jornada de compra.

Encurtar esse processo de compra, portanto, é capaz de trazer mais vendas e caixa a empresa.

Outro ponto de destaque ao usar as estratégias de marketing digital imobiliário, por exemplo, é a possibilidade de metrificar diferentes etapas e de conhecer mais profundamente as necessidades e os desejos dos seus clientes.

Essas informações são cruciais para a abordagem adequada dos corretores, que conseguem entender quais imóveis as pessoas desejam, as informações que já possuem e como direcionar o processo de negociação – ampliando as chances de fechar negócio.

As melhores estratégias de marketing imobiliário

Já está convencido de que o marketing imobiliário é extremamente importante, mas não sabe por onde começar? Veja as dicas que separamos!

Tenha um site que favoreça a conversão

O site é uma ferramenta importantíssima em qualquer estratégia de marketing imobiliário. Mas ele precisa ser pensado e otimizado para converter visitantes em leads e leads em clientes.

Uma navegação simples e intuitiva é essencial, assim como um sistema fácil de usar para que o usuário consiga pesquisar os imóveis disponíveis. Inclua filtros que façam sentido e otimizem a experiência do usuário.

Não se esqueça de criar um site responsivo, ou seja, otimizado para uso em smartphones e diversos dispositivos. Afinal, cada vez mais os usuários estão conectados, e os celulares e tablets fazem parte da rotina das pessoas, inclusive quando estão pesquisando por imóveis para comprar ou alugar.

Garanta, também, que seu site tem uma boa velocidade de carregamento, pois muitos dos usuários podem estar navegando com uma internet 4g ou até 3g – e você quer oferecer uma boa experiência a todos eles, certo?

Compreenda a jornada de compra

Entender a jornada de compra é fundamental para desenvolver ações focadas em cada uma das etapas. Nem todos os usuários que chegarão até o seu site estarão prontos para finalizar uma compra.

Lembra-se que explicamos que a jornada de compra dentro do setor imobiliário é mais longa? Entender todo esse processo ajuda, ainda, a compreender quais motivos fazem uma pessoa desistir de fechar negócio – e focar em ações que reduzam essa rejeição.

Por exemplo, alguns usuários que chegam até o seu site podem, ainda, estar pesquisando o preço médio das opções onde eles desejam mudar, para então criarem um planejamento financeiro e pensarem em comprar algo.

Se você abordar esse lead de maneira agressiva, não irá conquistar a confiança dele, só afastá-lo. Ao entender que ele ainda está nas primeiras etapas da jornada, você poderá oferecer conteúdo rico para que ele comece a fazer seu planejamento financeiro e entenda as opções disponíveis no mercado para comprar um imóvel.

Assim, ao mesmo tempo que você educa o cliente, ganha a confiança dele, fazendo com que ele adentre cada vez mais no funil de vendas. Quando ele estiver pronto para comprar um imóvel, já terá um relacionamento com a sua empresa, aumentando as chances de venda.

Use o Inbound Marketing a seu favor

O Inbound Marketing está totalmente relacionado ao que explicamos no tópico anterior. Afinal, ele envolve atrair o cliente por meio de conteúdo rico e valioso, criando um relacionamento com essas pessoas, de modo que elas confiem no seu negócio.

A ideia é que a sua empresa tenha uma boa base de leads, que são possíveis clientes, e vá acompanhando cada um deles dentro do funil de vendas. Assim, poderá repassar para os corretores apenas os contatos que estão realmente decididos a fazer uma compra, aumentando as chances de fechar negócios.

Eduque a clientela com o marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é um dos pilares do Inbound Marketing. Afinal, os conteúdos são cruciais para atrair e engajar os leads. Assim, uma boa ideia é aliar um blog ao site da sua imobiliária.

Dessa forma, você poderá produzir conteúdos que ajudem a educar a clientela, fazendo com que elas vejam sua empresa como uma autoridade, ao mesmo tempo que ganham mais confiança para fechar negócio.

Além do blog, outra boa estratégia é criar conteúdos ricos, como e-books, sobre temas relacionados às diferentes etapas da jornada do consumidor. Você pode divulgar esses conteúdos ricos em landing pages. Para baixar o material, o usuário precisa deixar o seu contato – e assim você começará a captar leads para sua base.

Seja forte nas redes sociais

As redes sociais são muito importantes dentro do marketing imobiliário, já que muitos usuários seguem os perfis das imobiliárias, construtoras e corretores. Além disso, você pode usar diferentes recursos, como vídeos, reels, stories e outros para divulgar detalhes dos imóveis à venda.

Nas redes sociais, ainda, é possível divulgar os conteúdos produzidos no seu blog, levar tráfego para o seu site e fazer anúncios dos seus imóveis. Não se esqueça de interagir com seus seguidores, respondendo às dúvidas e aos comentários nas publicações.

Use as plataformas imobiliárias

Outra possibilidade bem interessante são as plataformas imobiliárias e de vendas de artigos, como OLX, ZAP, Imovelweb etc. Ao anunciar nesses locais, você consegue atrair um tráfego qualificado, divulgando seus imóveis e também o seu negócio.

Além de conseguir fazer vendas por esses locais, você também pode usá-los para fazer com que os clientes sejam direcionados até o seu site, aumentando as chances de fechar negócio.

Crie campanhas geolocalizadas

Os anúncios no Google podem ser uma excelente estratégia. Para isso, contudo, a dica é usar campanhas geolocalizadas. Assim, você consegue otimizar seus recursos financeiros e divulgar os imóveis para pessoas que estão na mesma região.

Use a tecnologia a seu favor

Por fim, lembre-se de aproveitar ao máximo os benefícios que a tecnologia pode trazer. O tour virtual é um exemplo, bem como vídeos, fotos bem produzidas, robôs de conversação para tirar dúvidas, agendamento online de visitas com corretores e outras possibilidades.

Todos esses recursos ajudam o cliente a ter uma experiência positiva com a sua imobiliária, tornando a rotina dele mais fácil e ainda passando mais segurança.

Agora que você já sabe tudo sobre marketing imobiliário, que tal começar a colocar nossas dicas em prática? 

A melhor forma de fazer isso é contando com o apoio de uma agência de marketing digital imobiliária, especialista no assunto e com cases de sucesso na área, como a BeeOn. Veja como ajudamos a posicionar a imobiliária Jorge Paiva Imóveis em primeiro lugar no Google e a torná-la líder de vendas!

Veja Também

© 2016 - 2024BeeOn Marketing - Todos os direitos resevados. - Política de Privacidade